segunda-feira, 16 de março de 2009

"BATE AS TUAS ASAS"

Uma pessoa por quem eu nutro especial consideração, respeito e estima colocou-me nas mãos vários textos para eu ler e como encontrei particular interesse, resolvi partilhá-los com os Amigos Virtuais. Reflictam!!!

O pato que tinha uma mente humana

...os patos ,após uma luta, que nunca dura mais tempo , se separam e flutuam em direcções opostas. Depois,cada pato bate vigorosamente as asas algumas vezes, libertando assim a energia em execesso acumulada durante a luta. Após baterem as asas, flutuam com serenidade, como se nada tivesse acontecido.
Se o pato tivesse mente humana, ele manteria a luta acesa através do pensamento, da criação de histórias. Esta seria provavelmente a história do pato:

"Não acredito no que ele acabou de fazer. Ele esteve a dez centímetros de mim. Ele acha que é dono deste lago. Não tem consideração pela minha esfera privada . Nunca mais volto a confiar nele. Para a próxima , ele vai tentar outra coisa qualquer só para me arreliar. Tenho a certeza de que já está a preparar alguma. Mas eu não vou permitir isto. Vou dar-lhe uma lição que ele nunca há-de esquecer."

E a mente continua ininterruptamente concentrada nas suas fantasias, pensando e falando nisso passados dias ,meses ou até anos. No que diz respeito ao corpo, a luta ainda continua, e a energia gerada por ele em resposta a todos os pensamentos é a emoção , que , por sua vez, gera mais pensamentos. Isto transforma-se no pensamento emocional do ego. É fácil imaginar como a vida do pato seria problemática se ele tivesse uma mente humana. Porém, é assim que a maior parte dos seres humanos vive. As situações ou os acontecimentos nunca chegam realmente a ter um fim. A mente e a sua maquinação de "eu e a minha história" continuam a alimentá-los.
Nós somos uma espécie que se perdeu do seu caminho. Tudo o que faz parte da Natureza, todas as flores,árvores e animais têm lições importantes a ensinar-nos, se pararmos para os ver e ouvir.
A lição que o nosso pato nos deu é esta : Bate as tuas asas - o que se traduz por
"Abandona a tua história" - regressa ao único sítio do poder :
O momento presente



7 comentários:

clic disse...

Todos os seres têm uma lição a dar aos humanos, sim!

Pedrasnuas disse...

Há lições e lições... saibamos interpretá-las e traduzi-las na nossa vida...

Fernanda disse...

A mente humana,...é tão complexa, tão misteriosa,...que dificilmente poderemos algum dia decifra-la e perceber o que nos leva a inventar,...a imaginar,...a criar e a destruir...
São tantas as emoções que vivemos, que ás vezes não as sabemos dominar,...são elas que nos dominam a nós.
Agora, o acto saudável para ultrapassarmos isto,...é, sem dúvida,...isso mesmo,..."Bate as tuas asas"..."abandona a tua história"...
Acabamos,assim, por nos sentir melhor e o nosso passado passa a ser uma coisa boa de se guardar,.. e, não vivermos permanentemente na ansia de nos vingarmos, castigarmos e de maltratar o outro.

Gostei de ler, esta história, tem muito de como se deve conviver com as desilusões, as frustações e o não poder ser...
Basta, libertarmo-nos e deixarmos de pensar no passado, como uma maldição e pensarmos antes que foi uma coisa boa que se viveu e que por uma razão qualquer,...tivemos que deixar voar para outros lugares.

Gostei muito.

Beijo

Pedrasnuas disse...

Fernanda
o passado não passa a ser uma "coisa" boa...assim,num estalar de dedos...Desculpa,não é isso...não podemos nem devemos é ficar "presos", escravos de situações que nos impedem de bater as asas...entendes?
Por isso é tão importante a figura do terapeuta! Ele é um "veículo" para quem está preso se libertar...e faz com que possamos bater de novo as asas!
Há pessoas que não necessitam de psicólogos e vão batendo as asas...e conseguindo alcançar os seus objectivos e sonhos... Fantástico!!!
Mas independentemente de tudo o resto a mente humana tem a tendência para ficar a ruminar(remoer,mastigar) por dentro nas várias situações...eu falo por mim!!!e sei que o mesmo se passa com outras pessoas!!!

Ainda bem que gostaste.Fico contente por isso!!!

Beijo

simplesmenteeu disse...

Gostei de vir conhecer o teu espaço...
Gostei desta história, tão real na forma como vivemos os acontecimentos dos nossos dias.
Talvez seja uma espécie de resposta... talvez, também eu, esteja a precisar de bater as minhas asas...
Vou voltar mais vezes.
Beijo

Pedrasnuas disse...

Volta sim ,muitas mais vezes...é nesta troca que nos conhecemos,criamos laços e enriquecemos...Começa a bater as tuas asas...

Beijo

Delfim Peixoto disse...

Conseguiste fazer com que eu voasse... nem sei para onde!
jnhs