sexta-feira, 22 de maio de 2009

Era uma vez...

Olhos nos olhos...
Esses olhos beijo
A ternura acende
um frenético desejo

Quadra simples
esconde mistérios...
Amor por despontar
livro de encantar...

Desprende-se o rio
Desprende-se o fogo
Mulher com cio
Sol radioso...

Gemido enloquecido
Amor verdadeiro
nascido e perdido
mas há-de ser o primeiro!!!

9 comentários:

Nuno G. disse...

percorri todos os teus blogs e gostei muito... vou voltar!

(www.minha-gaveta.blogspot.com)

clic disse...

E era uma primeira vez... :)

Vento disse...

Desprende-se o desejo de sentir o que ainda falta sentir...

Beijo

ADiniz disse...

Olhar fugas...
Escorrega por ruas
De pedras esmaltas
Feito em fogo
Sob Haku
Amor verdadeiro
Unido e testemunhado
É sol e terra.
Em brasa,
O que serena é rio
Que eterniza
Nova pagina
Da vida.

Neste porto sinto brisa de primavera primeira, hummm, pois que seja,ensolarados dias, há vc.
Bjinhos.

Pedrasnuas disse...

BRISAS DE PRIMAVERA? QUI ÇÁ ?

ANA D. BEIJOCAS

Fernanda disse...

Gosto das tuas quadras...:))


Beijo

Pedrasnuas disse...

É BOM SABER ISSO FERNANDA

Delfim Peixoto disse...

Pois... que dizer???
Não digo nada!
:))
BEIJOS

Pedrasnuas disse...

PELO MENOS DEIXASTE BEIJOS...:)