sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Quase Inexplicável...

A SENSAÇÃO TRANSPARENTE
DE UM DIA LÚCIDO
AZUL CIANO
A PUREZA TÉNUE DAS SOMBRAS
O MORNO SABOR
PALIATIVO
ADOCICANDO A MINHA BOCA FRIA
HORAS DE DESERTO
SEM NOME, SEM O TEU NOME
UM DOMINGO SEM PASSEIO
DE MÃOS DADAS
NAS TUAS
A LISURA DA TUA PELE
A DISTÂNCIA INFINITA
QUE PERCORRE
O MEU ACREDITAR
A DOCE CARÍCIA
E A LÁGRIMA SOLTA
UM AFAGAR QUE MORA
LASCIVO
NA NASCENTE DA TUA VOZ
UM FRUTO QUE SÓ APETECE DEVORAR...

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Entrega

DEI AS MINHAS PALAVRAS
A MINHA VOZ
A MINHA RAZÃO
O MEU TOM
A ENERGIA
E O CORAÇÃO...
'
DEI OS AFECTOS
OS MIMOS
CORRI E SALTEI
BRINQUEI
ATÉ ME ZANGUEI
NÃO ME IMPORTEI
FIQUEI SEMPRE MAIS PERTO
'
DEI A ALEGRIA QUE ÀS VEZES
NÃO TINHA
FINGI QUE NADA ME DOÍA
E QUANDO UMA LÁGRIMA INSITIA
A CUSTO ENGOLIA...
HOJE
TENHO A INFINITA CERTEZA
DE QUE A TUA FELICIDADE
É TAMBÉM A MINHA

sábado, 24 de outubro de 2009

Os últimos vestígios

O VENTO VAI RISCAR
A ÁGUA APAGAR
FICARÁ SOMENTE
A TÉNUE
MEMÓRIA
DO MEU NOME
ESCRITO
NA PALMA
DA TUA MÃO...

ATÉ QUE ...
MAIS NADA IRÁ RESTAR...

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Secura...

DEPOIS DE LONGO TEMPO DE ESPERA
A ESCRITA CONTINUA CIMENTO EM MIM
NÃO DEIXA DE CRESCER NO CÉU UMA HERA
E A LINHA CURVA NÃO TEM FIM...

domingo, 18 de outubro de 2009

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

TRAIÇÃO AOS NÚMEROS

PODERIA TER SIDO ESCRITORA...
POETISA...
PINTORA...
A ALMA SEMPRE LAPIDADA...
NINGUÉM A QUESTIONOU....
PELA CLAUSURA DOS NÚMEROS...
SÓ NÚMEROS E MAIS NÚMEROS...
OS NÚMEROS FIZERAM-LHE O ROSTO PESADO
EMBEBEDARAM-NA
ANESTESIARAM-NA
ELA CASOU-SE COM ELES
I M P E R D O A V E L M E N T E
NUNCA SOUBE FUGIR ÀQUELA ENTREGA
OS NÚMEROS ENLEARAM-SE NELA
E ELA ENLEOU-SE NELES...
DE TAL FORMA QUE TROPEÇARAM....
UM COMPROMISSO
UM NÓ DEMASIADO APERTADO
ESTRANGULADO
NO SOLUÇO DA ESCRITA RENDILHADA
MARAVILHOSAMENTE ESCULPIDA
MAS OS NÚMEROS ESPREITAM...
ESTÃO SEMPRE ALI
À SECRETÁRIA
ESPERANDO QUE ELA ESQUEÇA DE CUMPRIR OS PRAZOS
PARA ROUBAR O CANSAÇO
E A PAZ DAS NOITES DE INSÓNIA...
ELA QUER SE LIVRAR DELES
DAQUELE MATRIMÓNIO...
UM CASAMENTO , UMA VIDA
TUDO FORÇOSAMENTE
CUMPRIDO...
PENOSAMENTE CUMPRIDO...
LOGO ELA QUE TEM O REQUINTE
O DOM , A MAGIA DE TRABALHAR
AS PALAVRAS...É O SEU SEGREDO
MAIS ÍNTIMO
O AMOR ÀS LETRAS...
A SUA PAIXÃO DE SEMPRE....

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

A fonte...

NO CONTORNO DA TUA BOCA FIZ UM ESTUDO
TACTEI E SENTI O VELUDO DOS LÁBIOS CARNUDOS
SÔFREGA
SÓ ACALMEI A MINHA SEDE
QUANDO TE ROUBEI O PRECIOSO LÍQUIDO
E BEBI TUDO...