quinta-feira, 18 de julho de 2013

Estou aqui !

Aos poucos perdi o pé...arranhei as cordas que me prendiam a ti...desiquilibrei-me e fui arrastada nos lençóis frios e pesados da maré....Não,não me perdi... nem tão pouco morri... Ando a boiar e  espero uma luz ...uma luz que me diga que acreditas em mim...

PN