segunda-feira, 17 de julho de 2017

Alinhavo sobre o joelho


“Podemos hoje trabalhar, passear, beber um copo com amigos ou desfrutar de uma casa de campo em Chernobyl. A explosão da central teve terríveis consequências humanas, ecológicas mas também económicas para a Ucrânia. Em 2011, o presidente ucraniano Viktor Yanukovich declarou querer reatar a atividade agrícola na área irradiada, mesmo no interior da zona proibida. A área abandonada tem a dimensão de um país como Luxemburgo. Além disso, as Nações Unidas lançaram um plano de desenvolvimento e reabilitação para as áreas afetadas de Chernobyl. Foi dado um novo passo. Por isso, talvez tenhamos em breve produtos irradiados de Chernobyl na nossa cadeia alimentar”


Nota : A propósito de um documentário transmitido na TV.

1 comentário:

Existe Sempre Um Lugar disse...

Olá, Julgo que é muito difícil nestes próximos muitos anos, existir na Europa de qualquer produto proveniente de Chernobyl.
Feliz semana,
AG